Dicas para as mulheres perderem peso depois dos 30 anos

Ao passar a idade, é possível que o metabolismo não funcione da mesma forma, por isso é importante tomar alguns cuidados.

24/05/2019 13:10 Atualizado em 24/05/2019 13:11

Aos poucos, aquele docinho do final de tarde, parece que pesa mais quando você vai subir na balança, e ainda para piorar, a sua rotina de exercícios e dieta não tem mais o mesmo efeito. Você não é a primeira e nem a última a se sentir mal com isto, e que depois dos 30 anos de idade, engordar fica muito mais fácil e emagrecer mais difícil.

Mas é possível ter calma, já que não quer dizer que você irá engordar necessariamente, mas precisa rever seus hábitos alimentares.

Comece colocando alguns planos em ação

O que podemos fazer para tornar a nossa balança mais equilibrada?

Dormir Bem

Durante o sono que o corpo acaba produzindo hormônios de melatonina, este que é responsável por regular o estoque de gordura, e leptina que ajuda no controle da fome. As pessoas que costumam dormir de forma picada conta com a síntese dessas substâncias prejudicadas e acaba inclusive sentindo mais fome durante o dia. Procure tentar dormir direito, ao menos oito horas por noite.

Procure se mexer bastante

É interessante procurar mesclar os exercícios aeróbicos, como por exemplo a corrida, a bicicleta e a natação com treinos de força, como por exemplo a musculação ou ginástica funcional para perder calorias e ganhar massa magra, quanto mais músculos do corpo, mais acelerado deverá ficar o metabolismo, e desta forma maior será o gasto de calorias diário. Procure se exercitar ao menos 30 minutos de forma intensa três vezes na semana.

Coma de forma correta

Uma boa dieta rica nos carboidratos e nas gorduras acaba por provocar um aumento dos fatores inflamatórios, estes que retardam o metabolismo. E por outro lado, caso ela seja focada nos alimentos nutritivos e nos ingredientes que possuem capacidade de aumentar a temperatura do corpo, como os termogênicos, a queima da gordura irá ocorrer de forma mais fácil. Se você tem interesse em perder peso, uma ótima pedida é procurar mudar os hábitos a mesa, comendo assim a cada três horas e priorizando um cardápio de forma recheada de proteínas magras e carboidratos que possuam uma absorção lenta, entre eles os grãos integrais, os legumes, as frutas e as verduras. Outra possibilidade interessante é cortar o consumo do açúcar, a fritura, gorduras e álcool, podem fazer toda a diferença.

Abuse dos antioxidantes

As frutas vermelhas, como por exemplo a framboesa, o morango e a amora, as uvas roxas, e chá de dente de leão são ótimos auxiliares. Vale a pena investir nestes alimentos pois eles possuem polifenóis, resveratrol e flavonoides, estas que são substâncias que combatem a intoxicação do organismo, a má alimentação, o estresse, e o álcool acabam por intoxicar o corpo, deixando assim o metabolismo mais lento e fazendo com que as células não absorvam os nutrientes.

Vale a pena consumir um copo de suco feito com uma xícara de chá de frutas vermelhas por dia, ou mesmo 11 uvas ou chá á vontade.